operacao-vitoria-d-conquis

Na segunda-feira (6), a Polícia Civil do Rio de Janeiro, através da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV), deflagrou a “Operação Server Out”. Essa operação, parte de uma mobilização do Ministério da Justiça e Segurança Pública e do CIBERLAB (DIOPI/SENASP), teve como objetivo prevenir ataques a escolas e contou com o apoio das Polícias Civis da Bahia, Minas Gerais, Roraima e São Paulo. Na cidade de Vitória da Conquista, a operação resultou na prisão do jovem G.D.S.R., de 18 anos, acusado de planejar um ataque a uma escola local. Durante a operação, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão em residências de adolescentes, além da prisão temporária de quatro indivíduos em diferentes estados, que estavam organizando ataques a escolas através da plataforma online DISCORD. A polícia também apreendeu um computador e um aparelho celular na residência de G.D.S.R. As investigações revelaram indícios de crimes de Associação Criminosa majorada e Incitação ao Crime, conforme o Código Penal, e Corrupção de Menores, segundo o Estatuto da Criança e do Adolescente. A “Operação Server Out” tem esse nome em referência à ação de tornar indisponíveis os servidores online usados para práticas criminosas, assim como para a remoção de usuários que utilizam plataformas digitais para cometer delitos previstos na legislação brasileira.

Confira as últimas notícias

Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao navegar, concorda com nossa Política de Privacidade.