IMG_4502

O cantor de forró Daryln Morais morreu nesta segunda-feira (6) possivelmente por conta de uma picada de aranha. Ele estava no Hospital Geral de Palmas, na capital de Tocantins, depois que o rosto começou a escurecer e dele apresentar reações alérgicas desde a semana passada. A esposa do cantor, Jhullyenny Lisboa Silva, disse que ele começou a passar mal no dia 31 de outubro, em casa. “Ele sentiu fraqueza pelo corpo e começou a escurecer o rosto na terça-feira da semana passada. Procurou hospital e foi internado neste domingo no HGP”, disse ela ao G1 Tocantins.  A família acredita que a picada aconteceu na casa deles, em Miranorte do Tocantins. Em um primeiro momento, o cantor foi levado para atendimento no hospital da cidade, mas recebeu alta na sexta (3). Como não havia melhora, por conta própria eles resolveram levar o artista para o Hospital Geral de Palmas, que é a maior unidade de saúde do estado. Ele, contudo, continuou sem melhorar e morreu hoje. Segundo a esposa, a filha de 18 anos do casal também foi picada e está com sintomas em um dos pés. Ela está internada em estado estável e será transferida para o Hospital Geral. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) diz que a causa da morte de Darlyn segue sob investigação. “A Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) informa que o paciente Darlyn Morais foi acolhido no Hospital Geral de Palmas (HGP), mas infelizmente foi a óbito, por causa ainda em investigação. A SES-TO lamenta o ocorrido e roga a Deus o conforto de todos os familiares e amigos”, afirma nota da pasta. Morais era cantor de forró e fazia shows em todas regiões de Tocantins. O corpo dele será sepultado em Miranorte.

Confira as últimas notícias

Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao navegar, concorda com nossa Política de Privacidade.