dengue-mosquito-frio

A Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) divulgou na quinta-feira (14),  que 175 municípios da Bahia estão enfrentando uma epidemia de dengue, o que representa 41,9% das cidades do estado. Destes, 67 estão classificados como em risco e 18 em estado de alerta. Até o dia 9 de março deste ano, foram registrados cerca de 45.386 mil casos prováveis da doença, marcando um aumento de 307,7% em relação ao mesmo período do ano passado. A Sesab também relatou dois novos óbitos por dengue na Bahia. As vítimas residiam em Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo baiano, e em Santo Estevão. No entanto, a pasta não forneceu informações detalhadas sobre o perfil dos pacientes falecidos. Durante esse período, foram registrados 3.918 casos suspeitos de Chikungunya na Bahia, em comparação com os 4.747 casos registrados no ano anterior, marcando uma queda de 17,5%. Por outro lado, os casos de Zika aumentaram em 38,2%, subindo de 335 casos em 2023 para 463 casos em 2024.

Confira as últimas notícias

Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao navegar, concorda com nossa Política de Privacidade.