12966-blog-conquista-materiais-tambem-foram-apreendidos

Na última ação da Operação Argus, equipes da Delegacia de Homicídios (DH/Vitória da Conquista) e do Grupo de Operações Especiais (GOE/PCSP) cumpriram um mandado de prisão preventiva contra um homem considerado um dos líderes de uma organização criminosa com atuação em diversos bairros da cidade baiana. O nome do suspeito não foi divulgado. O alvo era considerado uma prioridade para a Polícia Civil na região sudoeste da Bahia. As investigações da DH de Vitória da Conquista apontaram que, somente em 2023, o indivíduo teria ordenado cinco homicídios na cidade, com autoria comprovada em inquéritos policiais. Diante das evidências, a Vara do Júri e Execuções Penais da comarca de Vitória da Conquista expediu o mandado de prisão preventiva. Com o essencial apoio da Agência de Inteligência do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o suspeito foi localizado em Ferraz de Vasconcelos/SP, onde ocorreu o cumprimento do mandado. Durante a ação, foi encontrado com o acusado um revólver calibre .357 e um documento falso. O homem foi apresentado, juntamente com o material apreendido, na Delegacia de Ferraz de Vasconcelos, em São Paulo, para as devidas providências legais. Ele passou por exames de lesões corporais e está à disposição do Poder Judiciário. Esta prisão é a 31ª realizada desde o início da Operação Argus, em 2021.

Confira as últimas notícias

Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao navegar, concorda com nossa Política de Privacidade.