seca-e-estiagem

A prolongada estiagem na região sisaleira tem impactado significativamente o município de Conceição do Coité, na Bahia. O aumento das temperaturas tem levado à seca das reservas hídricas, resultando na destruição de pastagens, campos de sisal e causando a morte de animais por fome e sede. A produção de leite também foi drasticamente reduzida, gerando prejuízos significativos à economia local. O fazendeiro Chinha dos Poções expressou sua preocupação, destacando que a seca, além de prejudicar a produção de leite, impacta negativamente a saúde dos animais. Outros pecuaristas, como Gilberto Gonçalves de Araújo, conhecido como Gilberto da batedeira, relataram uma queda acentuada na produção de leite, resultando em prejuízos econômicos substanciais. A morte de animais devido à seca também foi observada nas imediações do rio Pau-a-Pique, na divisa dos municípios de Coité e Araci. Diante desse cenário desafiador, o prefeito Marcelo Araújo tem implementado diversas ações para amenizar os impactos da estiagem. Medidas incluem a distribuição de água potável, kits de cestas básicas e investimentos em infraestrutura para garantir emprego e renda à população local. O secretário de infraestrutura, Ariel Ramos, detalhou os esforços em andamento, como a limpeza de aguadas públicas e mananciais de pequenos produtores rurais. A prefeitura continua a realizar obras de reforma em escolas, unidades de saúde, pavimentação de ruas e construção/reforma de praças, buscando enfrentar os desafios impostos pela estiagem e promover o bem-estar da comunidade.

Confira as últimas notícias

Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao navegar, concorda com nossa Política de Privacidade.