prefeita-equador-27-anos

Brigitte Garcia, a prefeita mais jovem de San Vicente, no Equador, de apenas 27 anos, foi encontrada morta a tiros, em um carro na manhã de domingo (24). A informação é da CNN.  Garcia, membro do partido Revolução Cidadã do ex-presidente Rafael Correa, foi morta junto com Jairo Loor na província de Manabi. Ambos sofreram ferimentos de bala, e a polícia nacional, que investiga o crime, atribui o aumento da criminalidade no país ao tráfico de drogas. Garcia é a última figura política do país a ser assassinada, após a morte do candidato presidencial Fernando Villavicencio em agosto de 2023. O presidente Daniel Noboa declarou estado de emergência em janeiro em resposta ao aumento da violência e designou 22 grupos criminosos como organizações terroristas.

daniel-alves

A defesa do jogador Daniel Alves, condenado a quatro anos e meio de prisão por estupro, solicitou nesta terça-feira (19) ao Tribunal de Justiça da Espanha a liberdade provisória do jogador brasileiro.  A advogada do lateral-direito, Inés Guardiola afirmou que uma decisão sobre o pedido deverá ser emitida em breve pelas autoridades espanholas e que Alves não irá fugir do país. O atleta participou da audiência de maneira remota. Para facilitar a liberdade provisória, a defesa do brasileiro também sugeriu o pagamento de uma fiança de 50 mil euros (R$ 273 mil) e a entrega dos passaportes do jogador. A defesa da vítima e a Promotoria alegam que existe o risco de fuga e pedem que Daniel Alves continue cumprindo a pena na prisão.

Vladimir-Putin-presid-russia

Vladimir Putin venceu a eleição russa e se manterá no poder até 2030. A informação foi confirmada pela TV estatal Russia-24. De acordo com informações da TV estatal, os resultados oficiais preliminares confirmaram a vitória de Putin com aproximadamente 88% dos votos. Esse cenário já tinha sido antecipado por pesquisas de boca de urna divulgadas até por volta das 15h35 deste domingo (17), momento em que a votação já havia sido encerrada. O favoritismo de Putin foi confirmado após três dias da votação que começou na sexta-feira (15) e terminou neste domingo por volta das 15h (horário de Brasília). Mais de 8 milhões de pessoas votaram online, segundo o órgão. Os outros três candidatos, todos deputados, são vistos como meros fantoches, já que votaram a favor da guerra na Ucrânia no Parlamento e têm feito declarações públicas de apoio a Putin. Como resultado, o atual presidente não enfrentava concorrentes com chances reais de vitória. Putin está no poder há 24 anos e é o presidente mais longevo da Rússia desde Josef Stalin, da época da União Soviética. Caso eleito, o que a imprensa internacional dá como certo, o atual presidente terá a chance de ultrapassar os quase 30 anos de Stalin no comando. A eleição ocorre em meio a uma repressão severa que silenciou os meios de comunicação independentes e suprimiu grupos de direitos humanos destacados. Alexei Navalny, um dos opositores mais fervorosos de Putin e líder da oposição russa, faleceu em fevereiro enquanto estava detido em uma prisão no Ártico. Outros críticos estão atualmente presos ou exilados, evidenciando o ambiente restritivo em que ocorre o processo eleitoral. Ao longo dos três dias de votação, a Ucrânia aumentou os ataques aéreos contra a Rússia e realizou incursões em território russo. Neste domingo, houve um ataque com drones lançado pela Ucrânia em direção a Moscou. Um total de 36 drones de longo alcance foram direcionados a oito regiões russas, incluindo quatro deles destinados à capital russa.

bezerro-com-duas-cabecas-internacional

Um caso inusitado ocorreu em um vilarejo na Tailândia. Segundo moradores locais, um bezerro nasceu com uma “cabeça humana”, e algumas pessoas registraram imagens do ser peculiar. O animal sobreviveu por apenas um mês, tempo suficiente para gerar especulações sobre uma possível relação com um ser humano. No entanto, cientistas desmentiram o caso, atribuindo o ocorrido a uma deformação genética, uma vez que os genes humanos e bovinos são significativamente diferentes. Apesar disso, alguns indivíduos persistiram na crença da lenda de um ser bestial. De acordo com o Daily Star, uma pessoa comentou que “é metade criança”, defendendo a teoria incomum.

netflix-fora-do-ar

Na segunda-feira (11), diversos usuários da plataforma de streaming Netflix relataram problemas de instabilidade e falhas de conexão, resultando em interrupções na reprodução de conteúdo. Segundo informações do Downdetector, um site que monitora o status de serviços online em tempo real, a Netflix começou a apresentar instabilidade por volta das 19h21min (horário de Brasília), atingindo o pico de notificações de erro às 19h51min, com aproximadamente 780 relatos. Usuários nas redes sociais expressaram frustração diante das dificuldades, chegando a questionar a estabilidade de suas conexões de internet. O influenciador Pedro Motta compartilhou uma imagem que mostrava a mensagem “verificando conexão de rede” exibida pela Netflix, indicando que a conexão com a Internet estava estável, mas a conexão com o servidor da Netflix não foi concluída. Alguns internautas relataram que estavam assistindo a séries normalmente, mas ao mudar de episódio, o erro ocorria. Além de usuários brasileiros, comentários de pessoas nos Estados Unidos e em países da América Latina também mencionaram problemas similares. Até o momento, a Netflix não emitiu um comunicado oficial sobre a interrupção do serviço que afetou transmissões em todo o mundo na segunda-feira (11).

presidente-da-argentina-posse

Eleito em novembro após derrotar o peronista Sergio Massa nas urnas, o novo presidente da Argentina, Javier Milei, tomou posse neste domingo (10). A cerimônia no Congresso Nacional começou por volta das 11h15, sem a presença de Milei, e foi conduzida pela presidente do Senado, Cristina Kirchner. O novo mandatário foi declarado presidente do país às 11h20 da manhã. Por volta das 11h45, Milei chegou ao local após ter desfilado em carro por diversas ruas da capital argentina, sendo saudado por eleitores e acompanhado de sua irmã, Karina Milei. Já no Congresso, ele foi saudado sob gritos de “Liberdade”, antes de fazer o juramento de seguir a Constituição e receber o bastão e a faixa presidencial do ex-presidente Alberto Fernández. Em seguida, Milei posou para fotos e acenou para apoiadores, mas não discursou. O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, foi convidado para a cerimônia, mas acabou enviando o chanceler Mauro Vieira para representá-lo. Outros presidentes confirmaram presença e deverão cumprimentar o novo presidente em cerimônia prevista para a tarde de hoje, na Casa Rosada. Entre eles estão os presidentes do Paraguai, Uruguai e Equador. Da Europa, confirmaram presença o primeiro-ministro da Hungria e o presidente da Armênia. O presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky também está na posse, além do ex-presidente Jair Bolsonaro. Depois da cerimônia na Casa Rosada, as celebrações de posse de Milei devem terminar no Teatro Colón, à noite.

instagramstories

O Instagram deve permitir recurso em que os stories durem até uma semana. A novidade foi identificada nos códigos do aplicativo pelo engenheiro reverso Alessandro Paluzzi, conhecido por revelar novos recursos em redes sociais. Atualmente, os stories duram apenas 24 horas. A novidade deve se chamar “My Week” e vai mostrar todos os stories da semana no perfil do usuário, como funciona os “Destaques”. Os usuários poderão remover stories do recurso e filtrar o que pode ser mostrado no perfil. Além disso, será possível adicionar publicações na aba de forma silenciosa fazendo com que as publicações sejam mostradas no “My Week”, mas não distribuídas no stories que aparecem no topo do feed dos seguidores. Segundo Paluzzi, a novidade está sendo testada tanto no Android quanto no iOS. O Instagram ainda não confirmou a novidade.

peso-argentino-bc

O peso argentino abriu em queda nesta terça-feira (21) com o início das negociações no país após Javier Milei vencer as eleições para a Presidência no último domingo (19).  De acordo com operadores, a moeda teve uma queda de 0,59% nos primeiros negócios realizados desta terça-feira, e foi para 356,10 pesos, que corresponde a R$4,89. Nesta terça-feira, o atual mandatário Alberto Fernández e o presidente eleito começaram os diálogos para uma transição governista. Milei irá tomar posse como presidente do país no próximo dia 10 de dezembro.

11420-blog-conquista-Javier-Milei-argentina01

O candidato de ultradireita Javier Milei será o futuro presidente da Argentina pelos próximos quatro anos. Com 98,21% das urnas apuradas, ele está matematicamente eleito com 55,75% dos votos, contra 44,24% do candidato governista e atual ministro da Economia, Sergio Massa. Ao votar no início da tarde, Milei disse que “tudo o que tinha de ser feito já foi feito” e a hora de as pessoas falarem tinha chegado, “apesar da campanha do medo”. O candidato da coalizão La Libertad Avanza disse que o momento era de esperança, para impedir o que chamou de “continuidade da decadência”. Economista, Milei se caracteriza por ser um candidato antissistema num país abalado por uma grave crise econômica, onde a inflação chegou a 142,7% nos 12 meses terminados em outubro. Ele promete dolarizar a economia e extinguir o Banco Central argentino para acabar com a inflação, mas amenizou outras promessas no segundo turno, prometendo não privatizar a saúde e as escolas públicas. Alçado à fama como comentarista econômico em programas de televisão, Milei se diz amante de cães e, segundo a mídia argentina, tem vários clones de um cachorro que viveu de 2004 a 2017. Embora tenha se aliado a políticos da direita tradicional no segundo turno, como o ex-presidente Mauricio Macri e a candidata derrotada Patricia Bullrich, o candidato vencedor atraiu o voto sobretudo dos mais jovens ao se posicionar contra aos políticos tradicionais, que chama de “a casta”. Durante a campanha, Milei foi comparado a políticos antissistema como o ex-presidente norte-americano Donald Trump e o ex-presidente brasileiro Jair Bolsonaro. O futuro presidente argentino define-se como libertário e anarcocapitalista e declarou-se defensor de ideias como a comercialização de órgãos e a livre venda de armas. Durante o segundo turno, criticou o Papa Francisco, a quem chamou de comunista.

candidatos-argentina

Os argentinos estão se preparando para ir às urnas neste domingo (19) para decidir quem será o próximo presidente do país. O segundo turno das eleições presidenciais está sendo disputado entre o atual ministro da Economia e candidato governista, Sergio Massa, do partido Unión por la Patria, e o economista ultraliberal Javier Milei, do partido La Libertad Avanza. No primeiro turno, realizado em 22 de outubro, Sergio Massa recebeu 36,69% dos votos válidos, enquanto Javier Milei conquistou 29,99%. Os dois candidatos apresentam propostas distintas para o futuro da Argentina. Javier Milei defende a redução do Estado ao mínimo, acreditando no desenvolvimento econômico por meio de incentivos ao comércio e exportações. Ele também propõe uma revisão dos conceitos de igualdade e justiça social na sociedade argentina, além de criticar o bloco do Mercosul e rejeitar a entrada da Argentina no grupo BRICS. Sergio Massa, por outro lado, defende a manutenção de um Estado forte e promete equilíbrio fiscal, cumprindo as metas com o FMI. Seu plano inclui a reconstrução de rendimentos afetados pela inflação e a conversão de planos sociais em empregos. Massa visa ampliar as parcerias comerciais e atrair mais divisas para o país. Em meio a esta eleição crucial, a Argentina enfrenta uma grave crise econômica, com inflação elevada, altos índices de pobreza e recessão iminente. A situação econômica tem levado muitos a questionarem o movimento político Peronista, historicamente poderoso no país. Catalina Cepernic, cujo bisavô foi um seguidor das ideias de Juan Domingo Perón, expressou incertezas sobre o movimento político. “Hoje, eu não me identifico com o peronismo e não tenho certeza se suas políticas refletem o que meus parentes lutaram todos aqueles anos atrás”, disse ela, refletindo o sentimento de muitos argentinos em meio a esta eleição decisiva.

Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao navegar, concorda com nossa Política de Privacidade.